Safado Não Liberou A Novinha

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: ,

Safado Não Liberou A Novinha

Safado Não Liberou A Novinha

No meu trabalho entrou uma novata, novinha, muito bonita e daquelas que quando bem estimulada topa qualquer coisa, nos conhecemos e fomos nos aproximando aos poucos, nunca menti pra ela sempre disse que era casado, mas mesmo assim não conseguíamos ficar longe um do outro, ela sempre me provocando e eu resistindo, um dia ela faltou no trabalho, quando estava na hora de ir pra casa ela me ligou, disse que queria falar comigo com urgência, liguei pra minha casa e avisei que chegaria mais tarde. Ricardo colocou a taça dele na mesa de centro e fez o mesmo com a minha, depois sentou bem perto de mim e começou a me beijar, sua mão passeando pelas minhas pernas, minha mão segurando o cabelo dele e o clima esquentando.

Quando voltou a safada estava com um shortinho curto, com uma blusa branca e sem sutiã, pois dava para ver um pouco dos seios.

Ménage? Aquele era o primeiro dos dois rapazes.

"Meu deus, que sensação maravilhosa. Doutô Cléber me liberou do trabalho da fazenda, mas era um cara com algum sentido de observação sobre as pessoas, até me perguntou” MAS TÁ TUDO BEM COM VOCÊ GAROTO,VOCÊ SEMPRE GOSTOU DE TRABALHAR CÁ NA FAZENDA? Ó SE PRECISA AUMENTO PODEMOS CONVERSAR, DE UNS TEMPOS PRA CÁ SEMPRE QUE VENHO NA FAZENDA VEJO VOCÊ DE UM JEITO ESTRANHO, TÁ ACONTECENDO ALGUMA COISA QUE VOCÊ ME QUEIRA CONTAR”. Enfiei de uma vez na buceta. Eu saí da festa muito puta e com o tesão reprimido, porque meu namorado, depois de me amassar e bolinar a noite inteira, me disse que não tinha dinheiro para me levar pro motel e que não daria pra ir pra casa dele. Fui iniciada no sexo por meu próprio pai, o Dr Delço, um advogado muito respeitado e severo mas que na verdade é um safado comedor de novinhas, nada de pedofilia, meu pai como advogado não é otário, adora uma novinha desde que maior de dezoito anos. Falou que o pisão não doeu.