Negão Arrombando O Cu Da Mulata Gostosa

53 seg

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

53 seg

Categoria:

Tag: , , ,

Negão Arrombando O Cu Da Mulata Gostosa

Negão Arrombando O Cu Da Mulata Gostosa

E ela passava a mão no corpo do casal ao lado. Bom esse conto é verídico, tenho 38 anos casado com uma linda mulata.

Eu ja tinha uns 16 anos quando aconteceu e eu ja era bm putinha ainda estava no ensino medio e tinha uma rapaz no 3º ano que tinha 18 anos e ja havia me comido algumas vezes, um dia ele chegou me chamando de gostosa falando:-ta na hora de você dar esse rabão gostoso pra mim. Eu bombeava como louco e você começou a gozar, gemer gritar, e gozava loucamente mas pedia mais, mais negão que ta gostosoooo!!!!!!!! e eu não parava, fiz vc gozar duas vezes não parava de te bombear e te perguntei: posso botar no seu cuzinho gostosa, vc: faça o que vc quiser seu safado que quer me deixar toda rebentada, vai negão falei que vi aqui para te dar tudo que vc quiser, mete essa pica grossa gostosa no meu secretinho, vai negão, enquanto eu lambuzava seu cuzinho de gel e fui colocando lentamente e vc: ufaaaa! como e grosso este pau gostoso, vai negão, vc ta me arrombando mais ta gostoso, ate que coloquei a metade la dentro e vc começou a rebolar no meu pau e falava: vai negão que ta gostoso e começou a se masturbar, aquilo me enlouqueceu e comecei a bombear no seu cuzinho e te falava toma putinha gostosa, toma o que vc tanto queria e colocava ele todo em vc que loucamente rebolava no meu pau e começou a gozar novamente, acelerou a punheta e gozou doidamente e gritava de prazer e falava: vc quer me matar de tanto gozo seu safado, ficou de quatro e falou: coloca ele na minha bucetinha novamente que vou fazer você gozar como louco negão, bota logo tudo com uma estocada doida.

Se quiserem manter contato basta me mandar um email, tenham uma boa noite.

Foi então que tentei algo mais ousado… enfiei minhas mãos dentro do biquini; ela levou suas mãos em cima mas minhas, mas por cima do biquini, e ficou acompanhando meus movimentos.

vc: também estou negão, não aguento maisChegamos na sexta ao final da tarde no rancho novamente.